#Resenha | O Lado Bom Da Vida

O Lado Bom Da VidaTÍTULO: O LADO BOM DA VIDA

AUTOR: MATTHEW QUICK

TÍTULO ORIGINAL: SILVER LININGS PLAYBOOK

EDITORA: INTRÍNSECA

PÁGINAS: 256

SKOOB


Toda a obra desperta sentimentos positivos em você…

É interessante começar a resenha ressaltando o quão seletiva é a editora Intrínseca, que vêem trazendo para o mercado nacional grandes e curiosos títulos como A culpa é das estrelas, Os deixados para trás, Mathilda Savitch, o estrondoso sucesso Cinqüenta tons de cinza, e ,é claro, O Lado bom Da vida.

O lado bom da vida (Ótimo e inteligente título nacional) conta a história de Pat Peoples, um homem que acabou de sair de uma clínica psiquiátrica e acredita que finalmente vai conseguir voltar para sua esposa. Sua ideia de tempo foi alterada e ele perdeu boa parte da memória, mas faz seu caminho, contra tudo e todos, acreditando cegamente no seu final feliz. Nessa jornada ele conta com ajuda de sua família, do seu terapeuta e uma inusitada nova amiga.

O livro é narrado em primeira pessoa, então durante 254 páginas entramos na mente instável de Pat que oscila entre momentos de fúria, descobertas e muitos, muitos questionamentos.

Matthew Quick - O Autor

Matthew Quick – O Autor

O relacionamento de Pat com Tiffany ( sua amiga inusitada) é algo muito singular, diferente de tudo que eu já tinha lido e visto, e isso me agradou muito.
Afinal, pode- se esperar tudo de duas pessoas problemáticas, e o autor nos entrega situações realmente engraçadas.

A adaptação cinematográfica chegou fazendo barulho, recebeu um total de oito indicações para o Oscar e tornou-se o primeiro filme a concorrer em todas as quatro categorias de atuação (melhor ator, atriz, ator coadjuvante e atriz coadjuvante) em mais de 30 anos.

Eu acredito que o filme funcione mais para quem não leu o livro, e ainda que a escalação dos atores seja muito boa, há diversas mudanças no roteiro que pode incomodar os mais críticos (como eu).

No mais, toda a obra desperta sentimentos positivos em você. É um romance que não apela em momento algum para tragédias ou dramas irreais. O que vemos ( ou lemos) são pessoas que lutam para seguir suas vidas, como nós. E nos ensina a tentar ver o sol por trás de uma nuvem de chuva, buscando assim o lado bom da vida.

Anúncios

Comente! Sua opinião/crítca/sugestão é muito importante para nós!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s